Os Últimos Dias de Getúlio

OS ÚLTIMOS DIAS DE GETÚLIO

Madrugada de 5 de Agosto de 1954, o jornalista Carlos Lacerda sofre uma tentativa de assassinato em frente ao número 180 da Rua Tonelero, em Copacabana ? Rio de Janeiro.

Madrugada de 24 de Agosto de 1954, o então presidente da república Getúlio Vargas sucumbi às pressões políticas e sociais, e comete suicídio.

Esses 19 dias marcantes na história brasileira serão levados para as telas de cinema com um thriller político dirigido pelo premiado diretor João Jardim.

Jardim (Janela da Alma, Lixo Extraordinário) é tradicionalmente documentarista, tendo sido indicado ao Oscar de melhor documentário em 2011, vai se aventurar pela ficção com um roteiro que mistura jornalismo e dramaturgia. Junto ao roteirista George Moura (Linha de Passe, Cidade dos Homens, Carga Pesada) e a Carla Camurati (Copacabana Filmes), João narra a vida do polêmico político, vivido por Tony Ramos, dentro do Palácio do Catete, sua relação com a filha Alzira Vargas, Drica Moraes, e seus últimos dilemas e sofrimentos em vida.

Os Últimos Dias de Getúlio já está sendo produzido, e o financiamento coletivo através dos incentivos fiscais é uma maneira de você fazer parte desse projeto que será um marco na história do cinema, cultura e política brasileira!

Todos os incentivadores do projeto que doarem mais de R$100,00 receberão ingressos para a pré-estreia do filme, como forma de agradecimento!

 

Informações técnicas

Direção: João Jardim

Produção: Copacabana Filmes

Roteiro: George Moura

Fotografia: Walter Carvalho

Elenco: Tony Ramos, Drica Moraes, Alexandre Borges

Lançamento: Primeiro semestre de 2014